domingo, 12 de janeiro de 2014

Ramal da Lousã - população manifesta-se em Lisboa




"Mais de setecentas pessoas concentraram-se em frente à Residência Oficial do primeiro- ministro. Saíram da Lousã, Miranda do Corvo, Coimbra e Góis para exigirem a conclusão das obras do Metro do Mondego - Ramal da Lousã Uma comissão de autarcas e o responsável pelo Movimento Cívico... foram recebidos pelo Chefe de Gabinete de Pedro Passos Coelho. Com este protesto recordam ao Governo a importância da obra, as promessas feitas e os milhões já gastos num projeto parado há vários anos."
in RTP:

O Ramal da Lousã, também conhecido como Linha de Arganil, foi um troço ferroviário de bitola ibérica, que ligava Coimbra a Serpins, com uma extensão de 36,9 quilómetros, passando por Ceira, Miranda do Corvo, e Lousã.
No dia 4 de Janeiro de 2010 foi encerrado o tráfego ferroviário, passando o serviço a ser assegurado por autocarros.
As obras para reconversão em metro ligeiro estão paradas, não existindo qualquer previsão para a sua conclusão.

Nota 1: este blog não representa qualquer organização, empresa ou tendência ferroviária. É apenas e só um espaço de opinião.
Nota 2: as fotos que ilustram este artigo estão identificadas com o nome do autor e quando aplicável, com a referência onde foram encontradas.

Sem comentários:

Publicar um comentário